domingo, 8 de janeiro de 2012

Retrocesso


Escrevo hoje no meu aniversário

desejando retroceder no tempo

que usava fraldas ..............


Tempo inocente

risos da alma de 

criança que via cores.


Tempo do pik esconde 

da amarelinha, pera, uva, maçã

salada mista.


Tempo que ficou na lembrança

no peito que chora no querer

voltar numa metamorfose

visível de mim de um tempo

perdido, jamais recuperado



Tempo das horas passadas

num segundo do pensamento

de lugar nenhum


Tempo de olhar as nuvens brancas 

movendo-se ao infinito de meus

pensamentos vãos



Tempo de parar em qualquer lugar

do mundo no conhecimento interior

da rosa desconhecida escondida

na terra, no ar, em mim........

Procuro a rosa!!!!




Rosa Rios de Lucas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário